Petrobras e Brasil A parceria que dá certo!

Petrobras e Brasil

Em parceria com a Universidade Federal de Uberlândia (UFU), pesquisadores do Centro de Pesquisas da Petrobras (Cenpes) produziram uma luva de redução em aço carbono para uso na indústria de óleo e gás.

A novidade? A peça foi impressa em 3D e supera os requisitos técnicos da original (ferro fundido)!

Agora, a produção sob demanda de componentes críticos de reposição resultará em economia, agilidade, facilidade na substituição de peças fora de linha e redução de estoques.

Outro parceiro do Cenpes na tecnologia 3D é o Instituto Senai de Inovação em Sistemas de Manufatura e Processamento a Laser de Joinville (SC).

Em breve, componentes submarinos também serão fabricados com a tecnologia, que poderá ser aplicada em águas profundas por se mostrar superior aos processos convencionais.

A Petrobras com o Brasil é parceria que dá certo.

 

Veja também Petróleo na Guiana: Futuro desperdiçado que serve de exemplo para o Brasil

 

Petrobras e Brasil A parceria que dá certo!

Compartilhe o post no facebook
Compartilhe o post no instagram

Passado, Presente e Futuro: A Petrobras é tudo isso e muito mais

Privatização da Petrobras :  O retorno do Brasil Colônia
Privatização da Petrobras : O retorno do Brasil Colônia
Desde 1997, a produção e comercialização de derivados de petróleo deixaram de ser monopólio da Petrobras. Porém, até hoje, o Brasil não recebeu investimentos pesados de qualquer grande empresa internacional...
A tecnologia da Petrobras tira petróleo até de pedra
A tecnologia da Petrobras tira petróleo até de pedra
Você consegue imaginar petróleo saindo de pedra? Pois é isso que a Petrobras sabe fazer! O xisto é uma rocha sedimentar que possui matéria orgânica na forma de querogênio (lipídios,...
Privatizar a Petrobras é roubar a força de nossa economia
Privatizar a Petrobras é roubar a força de nossa economia
O desmonte da Petrobras começou no governo de Fernando Henrique Cardoso (1995 – 2002). Foi intensificado no governo Temer, e continua no novo governo. Só este ano, a Petrobras já...